Para Laura

sábado, outubro 10, 2015


Nunca fui de dizer aos quatro ventos que eu tinha um blog. Nunca fui de divulgar amplamente no meu perfil pessoal no Facebook, sempre fiz isso com certa discrição. Só dizia ou digo para as amigas mais chegadas e especiais, talvez por vergonha, ou medo de acharem meus textos péssimos.

Quando digo amigas, não estou falando das virtuais que fui conquistando com o tempo e que o blog trouxe para junto do meu coração. Estou falando daquelas que estão presentes fisicamente, daquelas que passeiam juntas ou visitam as casas uma das outras.

E por incrível que pareça essas amigas mesmo sabendo do meu blog, nunca, nunca vieram aqui para comentar ou apenas olhar. Sabe ao menos dizer: “Li suas resenha, ou texto”. Isso nunca me aconteceu. Em geral essas poucas escolhidas dizem “Legal!” e nunca mais tocam no assunto. Eu olhava com certa inveja para blogueiras cujos amigos e parentes tem orgulho desse espaço. Até que esse ano fui absorvida por um grupo muito amigo e coeso de professoras que trabalham comigo. É bem interessante de presenciar essa unidade e como ela se comporta, é divertido e muitas vezes inspirador.

É tão inspirador que logo tirei o novo nome do blog do armário, conversei empolgada com Ellen que em breve abrirá seu blog que já tem nome e domínio. Junto com ela e com Laura instigamos a quase exaustão a Helô a decidir-se sobre começar um blog de moda. Laura é claro, nos conta super empolgada sobre o curso que está fazendo e claro, queremos ser suas cobaias.

Mas, um fato aconteceu essa semana. Recebi o belo comentário da minha amiga Laura nessa postagem, que também fala de recomeço.  Laura é assim como eu, uma pessoa que chora com poemas e comerciais lindos, que se arrepia e se emociona, uma pessoa amiga, auto-astral e incrivelmente positiva e linda.

Todos os outros comentários que recebi na postagem foram igual e incrivelmente belos, que me incentivam e me inspiram a continuar. Mas, o fato de alguém que conheço pessoalmente comentar gerou em meu coração uma satisfação muito grande.

Esse post é um agradecimento a você Laura, que poderia ter falado comigo pessoalmente, mas que tirou um tempinho para escrever um pedacinho de um poema tão especial pra você.


Beijos

Você pode gostar de:

4 comentários

  1. Kkkkkkkkk!!! Adorei a passagem que vc conta que me convenceram praticamente a exaustão!! Fabi, vc é demais!! Parabéns é vida longa ao "Para todas as estações"!!! Beijoss!! 😘❤️

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Fabi , é muito bom saber que existem pessoas que se alegram com as conquistas do outro e isso se torna recíproco. Sei que você é e será capaz de realizar tudo que tenha como propósito, assim como as meninas ( Helo faz logo seu Blog rs ) , afinal , Talento você possui de sobra. Sucesso nessa nova fase "Para todas as Estações" , que seja apenas o início de muitas ideias colocadas em prática.

    ResponderExcluir
  3. Quase ninguém que conheço sabe que tenho blog, só meu atual (e para sempre se Deus quiser) namorado e uma amiga :3
    É bem complicado isso de falar para os familiares, a maioria das pessoas não entende que nos sentimentos bem apenas por ter um espaço só nosso na internet, daí nem divulgo no meu perfil do facebook, só coloco o link no instagram e pronto, cabouce..
    Parabéns por ter alguém que goste do que você ♥
    beijos
    Ganurb

    ResponderExcluir
  4. oi Fabi, primeiro que graça essa nova fase do blog e o seu entusiasmo, eu tenho receios de contar pras pessoas que sou blogueira, elas não entendem bem e eu faço disso o meu segredinho bom. Apesar de estar na internet, o anonimato torna tudo mais mágico, como uma realidade paralela
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com seu comentário!
Qualquer pergunta será respondida nesta página. Fique à vontade para voltar ou clique na opção "Notifique-me" e receba por email.
Beijos e até mais!