Adaptações de Jane Austen na Netflix

domingo, outubro 18, 2015

Olá pessoas!

Devo confessar que nunca havia me interessado pela Netflix, talvez porque minha internet era horrenda e eu mal consegui abrir uma página no computador sem travar tudo. Às vezes dava uma leve curiosidade, principalmente quando eu via algumas pessoas comentando no Twitter sobre as várias séries e filmes que assistiam. Por fim me rendi, e lá se vão quase dois anos de puro amor!

Lá é um lugar ideal pra você assistir os filmes que mais amam (se estiver disponível, é claro!) várias e várias vezes! E quando tem romances maravilhosos e ainda por cima filmes baseados em livros de Jane Austen  é melhor ainda! Pensando nisso eu separei alguns filmes baseados em livros de Jane.

1º - Palácio das Ilusões - Mansfield Park (1999)
Como o próprio nome no poster denuncia esse filme é baseado no livro Mansfield Park. Aos 12 anos de idade a jovem Fanny passa a morar de favor em Mansfield Park, a casa do esposo de sua tia, Sir Thomas Bertram (Harold Pinter). Inteligente e estudiosa, ela logo se torna amiga de seu primo Edmund, o filho mais novo de seus tios, apesar de ser sempre destratada por seu tio e pelas suas primas fúteis. Com o passar do tempo Fanny se torna uma bela mulher, que acaba chamando a atenção de Henry Crawford (Alessandro Nivola), jovem que se tornou recentemente seu vizinho juntamente com sua irmã, Mary (Embeth Davidz). Notando o interesse de Henry por Fanny, os tios dela logo promovem um encontro entre os dois para logo depois se sentirem revoltados com o desprezo que a jovem demonstra pelo seu novo vizinho.

2º - As Patricinhas de Beverly Hills - Clueless (1995)
Sim! Este filme é baseado em Jane Austen, especificamente em Emma. Na região de Beverly Hills, uma adolescente de 15 anos, muito popular e rica chamada Cher (Alicia Silverstone), filha de uma advogado (Dan Hedaya) muito competente, passa seu tempo em conversas fúteis, fazendo compras com Dionne (Stacey Dash) no shopping, namorando e mantendo a bateria do celular sempre carregada. Para aumentar sua nota de debate, ela resolve se envolver num projeto para unir um casal de professores. Quando Tai (Brittany Murphy), uma novata, chega da Costa Leste ela sente que precisa ajudá-la tornando-a popular e acabam se tornam melhores amigas. Com a chegada do enteado de seu pai, Josh (Paul Rudd) muda tudo, quando a crítica de não tomar conhecimento do "mundo real" e quando percebe que está totalmente apaixonada por ele, ela muda seu comportamento, não se interessando mais em fazer compras e ajudando as outras pessoas. Fazendo Josh perceber que ela havia mudado.

3º Emma - Emma (1996)
Emma Woodhouse (Gwyneth Paltrow) é uma mulher bonita, inteligente e rica, que vive confortavelmente ao lado do pai viúvo na pequena cidade de Higbury, no interior da Inglaterra. Quando a sua governanta, Miss Taylor (Greta Scacchi), se casa com o vizinho, Mr. Weston (James Cosmo), Emma sente um vazio em sua vida e decide ajudar as pessoas a terem uma vida tão perfeita quanto a sua. Torna-se, então, uma casamenteira e passa a dar conselhos na vida sentimental das amigas, apoiando, aprovando ou desaprovando os romances conforme seu juízo de valores. Mas, apesar de aparentar autoridade no assunto, ela se revela uma mulher que nunca se apaixonou.

4º - Orgulho e Preconceito - Pride and Prejudice (2005)
Inglaterra, 1797. As cinco irmãs Bennet - Elizabeth (Keira Knightley), Jane (Rosamund Pike), Lydia (Jena Malone), Mary (Talulah Riley) e Kitty (Carey Mulligan) - foram criadas por uma mãe (Brenda Blethyn) que tinha fixação em lhes encontrar maridos que garantissem seu futuro. Porém Elizabeth deseja ter uma vida mais ampla do que apenas se dedicar ao marido, sendo apoiada pelo pai (Donald Sutherland). Quando o sr. Bingley (Simon Woods), um solteiro rico, passa a morar em uma mansão vizinha, as irmãs logo ficam agitadas. Jane logo parece que conquistará o coração do novo vizinho, enquanto que Elizabeth conhece o bonito e esnobe sr. Darcy (Matthew Macfadyen). Os encontros entre Elizabeth e Darcy passam a ser cada vez mais constantes, apesar deles sempre discutirem.

5º - Amor e Inocência - Becoming Jane (2007)
O filme é sobre a biografia da escritora Jane Austen, e retrata o suposto romance de Jane (Anne Hathaway) com Thomas Lefroy (James McAvoy), um advogado que fora obrigado por seu tio a ir passar um tempo com seus parentes. Com má fama, Lefroy conquista Jane, e Jane o conquista com seu jeito diferente de ser e de pensar. O romance teria inspirado a obra Orgulho e Preconceito, o mais renomado romance da autora.
 __S2__
Tinha outros filmes na Netflix que acabaram por sair do catálogo, até um indiano que era muito engraçado e se chama A Noiva e o Preconceito.

Espero que tenham gostado e se puderem confiram os filmes, se é já não já assistiram, ou assistam novamente, rsrsrs.

Fica, vai ter bolo!

6 comentários

  1. Não sabia que tinha todos esses filmes da Jane Austen na Netflix *---*
    Amei saber de tudo isso haha Só assisti Orgulho e Preconceito, pois li o livro e precisava saber como ficaria em filme, vou procurar agora todos os outros que você colocou aqui :3
    beijos
    Ganurb

    ResponderExcluir
  2. Ah, já tem um tempo que eu quero assinar NETFLIX mas antes preciso de uma TV Smart. Sei que dá pra fazer aquela bagunça com cabo HDMI e computador mas não tenho tempo e paciência pra isso. Fora que uma TV Smart seria tudo de bom, né?? xD
    Confesso que dos que você divulgou eu só assisti "Orgulho e preconceito" com a Keira, mas achei bem bacana a sinopse de Emma. Adoro Gwyneth!
    Beijo-beijo!

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Sou fã de Jane Austen, mas quando o assunto são as adaptações eu sou péssima haha. Quero assistir Palácio das ilusões, não sabia que tinha no Netflix! Orgulho e preconceito é lindo, nem sei quantas veze já assisti...
    Beijos
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Fá!
    Eu não gosto de romances, você sabe. Mas, sei que você gosta de ficar suspirando naqueles vestidos e homens que falam de forma refinada! Já fico imaginando o calor que esse povo passava com aquelas roupas todas!

    ResponderExcluir
  5. oi Fabi, as dicas estão demais, acho que tudo que por um acaso envolve o nome da Austen se torna imediatamente sucesso!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie!
    Orgulho e Preconceito já vi muitas vezes, rsrs.
    Bjs.

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com seu comentário!
Qualquer pergunta será respondida nesta página. Fique à vontade para voltar ou clique na opção Notifique-me para saber minha resposta!
Beijos e até mais!