Cenas de um casamento - Robyn Donald na coluna da @thailadesouza

quarta-feira, fevereiro 05, 2014

Título: Cenas de um casamento
Título Original: Return To Yesterday
Autora: Robyn Donald
Editora: Nova Cultural/Editora Abril
Ano: 1983



O que dizer dessa história? Para dizer a verdade ela deixa um pouco a desejar e vou explicar o porquê e aposto que irão concordar comigo! Craig casou-se com Catlin quando ela ainda era menor de idade graças a um acordo de seu pai com Craig que estava interessado nas terras do pai de Catlin.

O pai de Catlin realmente quis ter uma boa intenção, após sofrer um enfarte sabia que suas chances de vida eram curtas e que logo deixaria a menina inocente desamparada e para protegê-la faria qualquer coisa e Craig lhe parecia um homem honrado e que seria capaz de cuidar de sua filha quando ele já não pudesse mais.

Só que a história foi bem diferente Craig nunca consumou o casamento e sempre colocava Catlin para baixo, fazendo de sua simplicidade algo degradante, a família dele não foi nenhum pouco agradável com a nova parenta, ao contrário não perdiam a chance de hostilizá-la e mostrar quanto era incomoda sua presença. Ainda se habituando a sua vida de esposa e também aos cuidados da pequena filha de Craig com sua falecida esposa, Catlin sofre o maior choque de sua vida: pega no flagra seu marido com outra mulher, na cama... cama que seria deles!

Chocada e magoada, já que Craig podia não amá-la mais ela o amava demais ela fugiu para longe, disposta a recomeçar e provar a si mesma e a todos que podia ser mais do que imaginavam dela. Seis anos depois ela esta de volta e disposta a ser mais forte, conseguir o que quer e dar o fora e seguir sua vida, só que agora Craig quer ela como esposa, dá para crer?

Craig pode até ser o príncipe de toda a mulher, mas também é um cachorro desalmado! Ele traiu Catlin e acreditem não tem explicação! Ele simplesmente traiu, não estava bêbado, dopado ou querendo fazer ciúmes! Ele só quis trair e pronto acabou! E jamais se sentiu culpado por isso! Dá pra acreditar? E o pior ele ainda culpa Catlin por seu comportamento já que ela era muito jovem para ser mulher para ele! Então casou porque FDP? Porque a humilhou? E o pior Catlin cai nessa desculpinha e esta derretida de amores de novo! Momento todas em choque! 

Li a história até o fim porque tinha a esperança que ela ia dar um chute nele e fazê-lo pagar um pouco por tudo o que ela passou! Mas acreditem é de dar raiva essa história e você não sabe em quem bater primeiro: na mocinha banana ou no senhor safadão! A única coisa boa são as cenas quentes.

Você pode gostar de:

8 comentários

  1. Esses livros de banca mais antigos sempre tem essa situação...
    Infelizmente homens "podem" trair e mulheres não. Eles são "louvados" por isso e as mulheres esculachadas. Vai entender esse pensamento ridículo.
    Uma pena que a mocinha apesar de fugir na hora da vingança deu mole para o canalha. =/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa mocinha ganhou o prêmio songa monga do ano

      Excluir
  2. Menina, esse foi o primeiro - e acho que único - livro da autora que li. Eu detesto traição, não perdoo mesmo. Mas, se minha memória não me engana, não é que eu não odiei esse livro? Ah, claro, muita coisa não tinha desculpas... mas no final, vi que já tinha lido livros piores, hehe. Não seria um livro que eu guardaria na minha estante e nem que eu releria... mas foi uma boa distração, hehe!

    Bjnhs!!!

    =)

    Suelen Mattos
    _____________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  3. Parece bom! Eu também não suporto traição e quando um livro propõe esse tipo de reflexão desperta o meu interesse!

    Beijos e Até o próximo post!
    Lu do Blog Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
  4. Vixi, que situação!!
    Mesmo o livro sendo antiguinho, a mocinha deveria ter feito ele rastejar um montão =/
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  5. Gostei da resenha Thaila. Realmente o mote do livro não é nem um pouco atrativo, né? Esse eu passo...rs. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  6. Ai Thaila gostei demais dessa sua resenha sincera...dá uma raiva mesmo quando temos mocinhas bananas e homens babacas, porque se ele traiu sem motivo algum e ainda coloca a culpa no comportamento dela, ele é um babaca. Nossa espero jamais ler esse livro, nem sei o que eu faria, creio que ficaria totalmente decepcionada. Beijos mil flor....http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com seu comentário!
Qualquer pergunta será respondida nesta página. Fique à vontade para voltar ou clique na opção Notifique-me para saber minha resposta!
Beijos e até mais!