Engano fatal - Lillian Peake - Júlia - 279

terça-feira, outubro 11, 2011






Naomi não conseguia mais chorar. Sentia um vazio no coração, uma amargura tão intensa que parecia amortecer-lhe todas as emoções. Havia perdido o apoio da família, o trabalho, a casa onde morava... Estava literalmente sozinha no mundo, com um bebê de apenas três meses nos braços. Era injusto, revoltante demais pagar por um erro que não fora seu. Um a um, todos foram abandonando Naomi à própria sorte para viver a vida à margem da sociedade. Mas o que acabou de derrubá-la de vez foi a reação de Garreth. Após dois anos de ausência, ele apareceu de repente e, julgando-se traído, resolveu punir Naomi com mais violência que o próprio destino.

Juro por Deus, eu não sei porque eu ainda continuo colecionando "florzinhas". Hoje fui às minhas comprinhas de começo de mês, e encontrei quatro que ainda não tinha, e junto estava esse aí, que farei uma breve resenha.
Se você pretende um dia, quem sabe, ler esse livro, nem continue, porque com certeza vai surgir uns SPOILER de repente.
Nunca na minha vida literária conheci mocinha tão retardada como essa Naomi, juro que fiquei louca de vontade de esganar. A moça largou a faculdade e o emprego para cuidar da filha da irmã, morou com o cunhado e cuidou do idiota que vira e mexe queria substituir a amada pela cunhada. E não pense você que a mãe da criança morreu,  a progenitora em questão resolveu alavancar sua carreira de atriz e deixou o namorado e a filha de três meses para trás!!!!!
Os avós maternos não quiseram nem saber do "fruto do pecado" (era assim que o avô chamava a netinha), a avó paterna não tinha dinheiro e nem saúde para cuidar de um bebê. E como desgraça pouca é bobagem, ela foi expulsa pelo senhorio de sua casa e um namorado que ela não via há dois anos apareceu e resolveu achar que o bebê era dela e o pai do bebê seu amante!!!
Agora, vem cá, o cara acha que a mocinha tá deslumbrada com ele por ser mais velho (9 anos), decide deixá-la livre por dois anos (tempo para ele fazer doutorado), disse até que ela podia arrumar outro namorado, transa com ela na noite anterior da viagem e mesmo assim vai embora, e volta achando que pode julgar alguém!!!!!
O pior foi todo mundo jurar de pé junto que o bebê era da Naomi e não da irmã, e por mais que ela gritasse, esperneasse ninguém acreditava nela! E ainda por cima depois de um tempo todos achavam que ela tinha mais é que assumir o bebê da irmã porque a "coitada" estava lutando por um futuro melhor!!! Ahhh, vai pentear macaco!!!!
O mais hediondo foi o final!!! Uma cartinha resolveu tudo, aí sim o imbecil do mocinho acreditou e a retardada, imbecil, idiota perdoou!!!!!! Meu Deus que ódio!!!!!
Não liguem revolts total!!!!Rsrsrsrsrsr!
Se você quiser ler, ainda, fique à vontade!!!!


Fica, vai ter bolo!

4 comentários

  1. Nossa! Não li esse mas tem livrinho que realmente não dá, né? E mocinha bocó me dá muito nos nervos!

    Bjos!
    Thaís
    http://umaconversasobrelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabi, eu também coleciono os florzinhas e os corações, mas tem uns que não tem condição de ler principalmente da Violet Winspear e Anne Mather essas duas me deixam morrendo de raiva. kkkk

    Bjos.

    Romances e Livros
    http://livrosmelosos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkk eu sei que vc tava com raiva mas ri muito do seu post, achei muito sincero =D

    realmente, só passo raiva com "florzinhas" também rss

    mas de vez em quando da vontade de ler =P

    teh mais

    ResponderExcluir
  4. Adoro romances até porque,na vida real tbm acontecem essas bobeadas rsrs mas é bom que distrai um pouco,e tem o tão esperado final feliz,igual nas novelas.Bjos a todos.

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com seu comentário!
Qualquer pergunta será respondida nesta página. Fique à vontade para voltar ou clique na opção Notifique-me para saber minha resposta!
Beijos e até mais!